Em Nome Da Beleza

25.7.14

Aos olhos de outros, hábitos comuns são estranhos...

Eu sou estranha. Demorou muito, mas muito mesmo para eu aceitar isso, no entanto cá estou, afirmando; EU SOU ESTRANHA.
Primário, turno matutino, acordando cedo, arrumando o cabelo, para ser alvejada com piadinhas e ser chamada e apontada incansavelmente de Estranha.  Eu tinha outros apelidinhos, mas hoje vamos ficar só com esse.
Estranho mesmo, é nós sermos tão diferentes e pertencemos a mesma espécie, é incrivelmente maravilhoso ver como somos diferentes e bonitos de formas estranhas. Com gostos estranhos, com hábitos estranhos e com opiniões estranhas.
Não sou feminista e nem faço protestos, só tenho uma peculiaridade muito estranha.
Não tiro cutícula das unhas, não mesmo, elas crescem por um motivo certo? Estão aí para deixar as unhas mais fortes, fora que retira-las é um perigo a nossa saúde, ficamos vulneráveis a contração de infecções. Mas o meu foco não é a minha saúde. Você percebe a que ponto os padrões de beleza nos fazem chegar?
Arrancamos pelos com cera quente, pulamos refeições, gastamos tardes inteiras em academias, gastamos horrores com química para o cabelo e para quê?
Para ser feliz?
É essa a satisfação que tanto desejamos, o problema é que com a resolução de uma imperfeição, desde o friz até as cirurgias plásticas, encontraremos outro ponto para ser consertado, e para quê consertar se não estamos quebradas, digo, quebrados?
Chegamos ao ponto da mutilação! Arrancamos a cutícula para uma unha mais bonita, por que temos que cortar essa pele tão inocente?! Eu empurro ou pinto as unhas respeitando as cutículas, porque é o meu corpo e não vou me submeter a isso. Não estou afirmando que as pessoas não deva retirar a cutícula, minha função é provocar reflexões, e penso dessa forma. Começamos com as cutículas e mais tarde? A que ponto absurdo chegaremos em nome da beleza, em que chegaremos a aceitar normalmente esses hábitos?
Parece tão natural, é um hábito estranho que tornou-se normal.
E o que você acha? Já havia pensado dessa forma?

KIM.

Comente com o Facebook:

0 comentários :

Postar um comentário

Você não precisa de um blog para comentar <3
Pode comentar a vontade, dar sugestões bater um papo comigo e fazer criticas desde que essas acrescentem alguma coisa. Sinta-se em casa, só não vale ser grosseiro tá?